Khor Virap, o Monastério de São Gregório Iluminador

Khor_Virap_Consulado-da-Armenia

Khor Virap Monastery Armenia


Direto da Armênia por Letícia Tostes Ortega.

“Khor Virap” significa “masmorra profunda”, e fica muito muito próximo do monte Ararat (e, consequentemente, colado na fronteira com a Turquia). O Mosteiro de Khor Virap é uma das principais atrações turísticas da Armênia.
Foi em Khor Virap que Grigor Luisavorich, conhecido como São Gregório o Iluminador, ficou preso por 13 anos, antes de curar o Rei Tirídates III de uma doença. Isso causou a conversão do rei, então pagão, ao cristianismo, tornando a Armênia o primeiro país oficialmente cristão no ano de 301.
É possível visitar a câmara subterrânea onde São Gregório ficou preso, localizada na capela de São Gevorg. A capela de São Gevorg fica separada da igreja principal, e a câmara subterrânea é um ambiente muito abafado e de difícil acesso.
A grande Igreja da Santa Mãe de Deus (Astvatsatsin), em Khor Virap foi construída no século XVII, e é recomendado que as mulheres, ao visitar a Igreja, cubram a cabeça e não usem roupas muito curtas e/ou decotadas.
A colina de Khor Virap e suas adjacências correspondem ao local da primeira capital da Armênia, Artashat (ou Artaxiasata), fundada pelo Rei Artashes I (o primeiro da dinastia Artashesid) por volta de 180 a.C.
Khor Virap fica a cerca de 1h de carro do centro de Yerevan, e o percurso de ida e volta num táxi do tipo conforto (com ar condicionado), contabilizando o tempo de espera do motorista, custa por volta de 15.000 AMDs (cerca de US$31). Algumas empresas turísticas oferecem o passeio para Khor Virap e outros pontos históricos da Armênia em roteiros de um dia (day-trip), e custam por volta de 20.000 AMDs (cerca de US$42) por pessoa.”

Letícia Tostes Ortega é brasileira e mora na Armênia.
O Mundo é a Minha Casa
http://omundoeaminhacasa.com/
https://www.facebook.com/mundoaminhacasa/
http://www.instagram.com/mundoaminhacasa